(53) 3027-9215 (53) 3027-9215

Instrução pública e projeto civilizador: O século XVIII como intérprete da ciência, da infância e da escola

O SECULO XVIII COMO INTERPRETE DA CIENCIA, DA INFANCIA E DA ESCOLA

R$ 82
R$ 82 à vista no boleto
ou no cartão em até 3x de R$ 27.33 sem juros
Autor(es):
Editora:
COMPRAR

Calcule o Frete e o Prazo de Entrega

loader
Tipo de entrega Entrega* Valor

* O prazo de entrega inicia-se no 1º dia útil após a confirmação do pagamento. Informações referentes apenas para 01 unidade deste item.

Produto adicionado ao carrinho!

Instrução pública e projeto civilizador: O século XVIII como intérprete da ciência, da infância e da escola

ou IR PARA O CARRINHO

DESCRIÇÃO

A partir da análise do pensamento de três importantes figuras associadas à razão iluminista – os filósofos Condorcet e Rousseau e o estadista Marquês de Pombal –, Carlota Boto elabora uma análise aprofundada de como o ensino público se tornaria, no s éculo XVIII, o veículo responsável por levar a razão, ou o esclarecimento, às massas. A autora investiga como a concepção iluminista de educação, tal qual formulada por Rousseau, deu origem a projetos de instrução pública distintos, ainda que com o m esmo objetivo: os sistemas de ensino francês e português, formulados, respectivamente, por Condorcet e Pombal.

Ficha técnica

Autor(es):
Boto, Carlota
Dimensões:
21,0cm x 13,7cm x 2,3cm
Páginas:
428
Acabamento:
BROCHURA
ISBN:
9788539306879
Código:
226659
Código de barras:
9788539306879
Edição:
1
Data de Edição:
01/01/2017
Idioma:
Português
Peso:
520